Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Mundo dos Piratas

'And now here is my secret, a very simple secret: It is only with the heart that one can see rightly; what is essential is invisible to the eye', in Le Petite Prince

O Mundo dos Piratas

'And now here is my secret, a very simple secret: It is only with the heart that one can see rightly; what is essential is invisible to the eye', in Le Petite Prince

Mommy & Dada

160_65697_full.jpg

Não são só vocês que têm aprendido muito ao longo destes anos. Nós também aprendemos com vocês!

Aprendemos a tentar ser mais pacientes...

Aprendemos que a vossa gargalhada é melhor que qualquer música do mundo...

Aprendemos que com vocês poucas são as coisas que são feitas rapidamente, principalmente depois de vocês começarem a ter autonomia para as fazerem sozinhos...

Aprendemos que temos as melhores conversas com vocês quando nos damos tempo para as ter...

Aprendemos a apreciar, com vocês, as coisas mais simples do mundo...

Derretemos com um abraço ou beijo vosso...

Ou simplesmente com a vossa mão no nosso braço ou perna ou onde seja...

Aprendemos que o silêncio significa que estão a fazer das vossas...

Mas aprendemos também que se perde a paciência muito facilmente...

Que é quase desesperante esperar que vocês apertem sozinhos o fecho do casaco... (ainda não chegámos à parte de atarem os sapatos sozinhos!)

Que as birras acontecem por mais truques que apliquemos para isso não acontecer, porque simplesmente é das poucas formas que vocês conhecem para expressar mais rapidamente a vossa frustração...

A primeira vez que preferem o pai em vez da mãe (ou vice-versa) é uma farpa no coração, mas depois aprendemos que isso é a fase do momento... e que depende de quem ralha... mas vocês escolhem quase sempre o vosso pai...

Aprendemos que o silêncio, quando dormem ou quando estão na escola, são momentos gloriosos...

Descobrimos novas formas de nos sentirmos cansados, exaustos e a morrer de sono todos os dias, de manhã à noite... 

A Mamã e o Dada têm aprendido imenso com vocês! 

Com a influência da escola/amigos/professoras deixaram de me chamar 'Mamã' e passei a ser 'Mommy'...

Mas o 'Dada' é Dada desde que o conhecem...

Houve um tempo que tu Liam, o chamavas de Daddy, talvez mais no princípio da escola, de vez em quando saía, mas na maioria das vezes continuam a chamá-lo pela mesma forma como aprenderam...

Se me chateia? Não, é só uma curiosidade que vos conto! 

Até porque nem me apercebi do momento em que deixei de ser Mamã (numa versão mais portuguesa) para ser Mommy (a versão americana)...

Quando vocês nasceram e nós passámos a ser 4 em vez de dois foi algo que me assustou e me fez duvidar todos os dias da minha capacidade para cuidar de vocês durante a primeira semana... e podemos fazer coisas que outros pais não fariam, tal como nós não faremos algumas das coisas que vemos. Mas não nos compete julgar nem ser julgados por ninguém. O importante é nós nos sentirmos orgulhosos dos meninos que vocês são e que estamos a criar da melhor maneira que sabemos... porque isto da maternidade/paternidade tem muito que se lhe diga e é algo que não vem nos livros da escola. Aprende-se com a vivência do dia-a-dia... podemos ler aqui e acolá... podem dar-nos todos os conselhos do mundo mas no fim da linha quem vos conhece bem somos nós e achamos que temos tomado as melhores decisões por e para vocês!

Temos orgulho nos pais que somos e amamos-vos até ao infinito e mais além!!!!!!

Saudades mamã...

Mae.jpg

Vocês sentem muito a falta do papá, ainda que não a saibam expressar...

Mas quando o vêm é sempre uma alegria enorme entre abraços e beijos e a disputarem pela atenção dele! 

Saudades.jpg

Às 06h30 da manhã já estás tu Liam, a puxar pelo braço do papá, a acordá-lo para ele ir para a sala montar os puzzles com vocês... 

E de há umas semanas para trás, tu Liam, vais-te despedir do papá, à porta de casa. Jake, tu vais algumas vezes, depende se estás muito entretido e distraído ou não.

Mas tu Liam, lá estás sempre, na entrada da porta, a dizer adeus, a mandar beijinhos, a perguntar se ele vai de carro, até veres o papá virar a esquina do corredor... 

Saudades 2.jpg

Saudades 3.jpg

Saudades 4.jpg

Muito fofo!!!!!

O papá já chegou a sair numa altura em que vos estava a trocar os pijamas, pensávamos que vocês estavam distraídos, mas não estavam. Então lá foram a correr para a porta assim que o ouviram mexer nela, um de fralda, o outro tal e qual como veio ao mundo!

Tinham mesmo que dizer xau xau ao papá!

Mas hoje a mamã teve uma consulta médica de rotina, então o papá ficou com vocês em casa enquanto a mamã ia num pé e voltava noutro, para depois o papá sair e ir trabalhar.

Não se vieram despedir de mim à porta, mas ficaram a chamar por mim meio baralhados por o papá ficar em casa e a mamã sair...

Confesso que me soube bem sair um pouco sozinha, no fresquinho da manhã (8:30), andar na confusão matinal do metro e levar a minha mala só com objectos meus ainda que estivesse de chuva e ainda que fosse por pouco tempo! 

Metro.jpg

Mas o melhor mesmo de tudo, o melhor mesmo, foi entrar em casa, e ver-vos correr para mim, a dizerem 'Mamããããããã', e me darem uns e gigantes abraços, com direito a palmadinhas nas costas, que quase me derrubavam ao chão...

Parecia que não me viam há dias... e só tinha passado pouco mais de 2horas sem nos vermos... Pensei: 'ah então é esta a sensação que o papá tem todos os dias sempre que chega cedo!'

É de facto uma boa sensação, e como tudo na vida existe sempre um lado melhor outro menos melhor. É extraordinário poder estar com vocês todas as santas horas de todo o santo dia ainda que me ponham todos os cabelinhos brancos e em pé... mas receber estes vossos abraços de saudade é igualmente fascinante!

É bom sentir saudade. Na minha ideia sentir saudade de alguém significa que se gosta e que se sente falta da companhia dessa pessoa! Por isso agarro-me a estes abraços raros de saudade, já que a mamã, para o bom ou menos bom, não se ausenta muito da vossa visão...!

O (novo) hobbie da mamã

Mama.jpg

Cada dia que passa vocês fazem cada vez mais juz à carinhosa alcunha com que vos baptizamos assim que nasceram, nossos piratinhas...

Cada vez mais traquinas.... Todas as vossas traquinices, várias vezes ao dia, todos os dias, tiram-me do sério... não vos consigo ter sossegados durante muito tempo... (Jake, tu até ficarias!) sou a vossa mãe, aquela pessoa com quem vocês lidam todo o santo dia, por isso aquela a quem se estica o máximo da corda e se desafia todo e qualquer limite da paciência... 

E será que vos queremos calmos, serenos e pachorrentos...!?

Também têm os vossos (raros) momentos em que de facto cada um brinca com o seu brinquedo ou brincam um com o outro... 

Mas silêncio é algo que quase não existe... e para quem odiava o silêncio agora dou por mim a desejá-lo muitas vezes durante o dia...

A mamã não tem grande tempo para ela nem quando vai à casa de banho! E por isso entre cuidar de vocês, o lavar, arrumar, limpar, cozinhar e afins não sobra grande tempo... já vos contei num post anterior...

Tem dias que a mamã também dorme um pouco com vocês a sesta, porque não sou de ferro e ando sempre cheia de sono e cansada, porque tem noites que vocês não dormem a noite inteira seguida...

Mas desde há uns dias para cá que as vossas sestas passaram a ser o meu momento zen, pelo qual anseio que chegue! 

A mamã gosta de pintar... pode não ter jeito nenhum, mas sente-se bem enquanto o faz e isso é o mais importante neste momento... 

Como não quero fazer barulho durante a vossa sesta para vocês não acordarem, passo esse tempo a colorir o meu livro para aliviar o stress... 

Livro.jpg

Ponho os phones, uma música tranquila e deixo a pintura me absorver...

E aquela hora, hora e meia que ali estou, enquanto vocês dormem, deixa-me tranquila...

Já com vocês acordados vou arranjando forma de fazer tudo o resto que é preciso fazer... porque aquele 'meu' tempo faz milagres...

Um destes dias resolveste dormir apenas 30 minutos Jake e tive que te pôr a pintar também para estares sossegado e deixares o Liam dormir um pouco mais... Mas não tive o meu momento zen naquele dia... 

Jake.jpg

A mamã adora-vos mesmo quando está no pico do stress com vocês, mas de facto precisa de umas pausas de vez em quando para tentar manter alguma da pouca sanidade que ainda resta...

E que era capaz de ficar o dia inteiro a pintar, era mesmo! Mas estes bocadinhos por dia já me fazem muito bem e fico muito feliz quando termino um desenho e fico ansiosa para começar logo o próximo... ao mesmo tempo que me sinto mais tranquila e com mais paciência para lidar com os vossos stresses durante o resto do dia... contudo quando chega a noite e vocês fogem pela casa fora para não irem dormir não há desenhos que aguentem, pois borra-se logo a pintura!

Mas felizmente não têm sido assim muitas destas noites! Espero que um dia apreciem esta criança que há em mim... por agora deixo-vos alguns exemplos... 

1.jpg

2.jpg

3.jpg

4.jpg

5.jpg

6.jpg

7.jpg

8.jpg

9.jpg

10.jpg

11.jpg

12.jpg

 

Mamã... Mamã... Dada...!

20171114_174552 (2).jpgQuando nasce um filho(a) queremos aproveitar todas as fases desde o nascimento pois rapidamente nos apercebemos que o tempo voa... E não negamos que ansiamos pelo dia que aquelas vozinhas vão dizer mamã ou papá.... 

 

Mas ao fim de ouvirmos mais de 100 vezes por dia mamã... mamã... mamã, dou comigo a pensar que mal posso esperar pela noite para passar a ouvir Dada, Dada, Dada!!!

É que é mamã, ou má (não no sentido literário da palavra - espero eu!) a quase toda a hora...!

Eu sei que pela força do hábito acabam por chamar por mim... pois passamos pelo menos 17 horas por dia juntos, todos os dias! E durante o fim de semana felizmente o papá (Dada para vocês!) junta-se a nós nestas 17 horas...

Quando é para amparar a birra... ou pedir o telemóvel... ou televisão... ou pedir mimo para não mudar a fralda, lavar os dentes ou vestir o pijama aí já se lembram de chamar o Dada!!!!!

Mas se é para olhar para ti Liam a brincar aos legos chamas a mamã.... se é para tirar as almofadas da cama para a poderes utilizar como trampolim chamas a mamã... se é para te dar alguma coisa que queiras de algum sítio chamas a mamã...

E é que Liam tu não páras de chamar enquanto eu não te olho nos olhos. Não adianta te responder 'sim Liam' ao fim do teu segundo 'Má'... tenho de olhar para ti e dizer 'sim Liam'... acho o máximo e às vezes chato... 

Vamos no carro e é mamã para dar água, mamã para dar bolachas, mamã para dar um brinquedo, mamã para dizer o que vocês estão a ver mesmo que eu não saiba para onde estão a apontar, mamã para fazer o pi pi pi pi quando o carro faz marcha-atrás... Ok algumas destas coisas o papá não pode fazer porque razões óbvias = conduzir não permite fazer muito mais!

É com a mamã que vocês cumprem a maioria das tarefas diárias em consequência disso acabo por ter que ser eu a fazer a cara feia para vocês fazerem algumas das coisas que vos pedimos!

E que às vezes não as cumprem de qualquer maneira. E é aí que felizmente entra o papá com o seu jeito calmo e suave e amigo e cheio de paciência e vos convence a fazer o que precisamos!

Acho que juntos fazemos uma excelente equipa! Quando a mamã já está a deitar fumo pelas orelhas é o papá que vos acalma e vos leva pela melhor. E é a mamã que vai decifrando para o papá algumas das vossas acções ou (tentativas de) palavras...

Felizmente a mamã tem tido a possibilidade também por força das circunstâncias de passar todo o santo dia com vocês e de ir acompanhando o vosso extraordinário desenvolvimento. Porque digamos que para a mamã poder ficar em casa com vocês nestes mais de 2 anos alguém tinha que trabalhar não é?!! Pobre papá que não vê pela primeira vez alguns dos vossos progressos. Daí a mamã tirar muitas fotos e fazer muitos vídeos!

Mas eu adoro vos ouvir chamar por mim! Adoro que tu Liam venhas ter comigo e me apontes enquanto dizes Mamã! Que vais ter com o papá, olhas na cara dele e dizes Dada! O coração dele palpita fora do peito de tanto orgulho... Vais ter com o mano tocas-lhe no peito e dizes 'Jay Jay'....

Tu Jake chamas o Liam de 'Ma' (Mano), mas não chamas com tanta frequência Mamã ou Dada como o Liam. Mas não deixa de ser espectacular quando o ouvimos...

E é nesta altura que começamos a ver que daqui a mais uns meses deixamos de ter conversas de adultos pois vocês vão estar constantemente a interromper-nos!

Novas extraordinárias fases se avizinham...